A atuação está voltada para o campo das responsabilidades, nos Tribunais de Justiça e Juizados Especiais Cíveis (Estaduais e Federais): dano moral, dano material, defesa do consumidor e indenizatórias (exemplos: erros médicos, corte indevido de fornecimento de serviços públicos, inclusão indevida do nome no SERASA e no SPC etc), ação de cobrança, consignatória, medidas cautelares, dentre outras ações.